#Indicação: A vidente - Hannah Howell

Compartilhe:
"Não se pode prever uma grande paixão... e amar é sempre arriscado"

Já tem um tempo que venho vendo esse livro por ai. Ele me chamou muito a atenção na livraria e agora tem um chamado muito mais. Ao vê-lo exposto na prateleira para ser vendido, eu notei que a editora teve um cuidado bastante especial com o design dele.

Pra quem ainda não sabe de que livro estou falando, vou ficar sem mistério (até porque já coloquei no título neah ... rsrs). Então, a indicação de hoje é um livro da Editora LeYa, sob o selo da Editora Lua de Papel e chama-se "A Vidente". Ele não é lançamento, mas também não é velho, foi lançado em Janeiro se não me engano. Mas o que realmente me chamou a atenção nele é o fato de ele ter um diferencial com relação aos outros livros. Ele tem um par de fitas que foram anexadas nas capas pra que, ao fechar o livro, podem ser amarradas, como se fosse um diário.

Bom eu já adianto um pouco sobre ele: O contexto histórico do livro é medieval, então quem gosta de histórias que se passam na Inglaterra Gregoriana esse é o livro. Tem uma temática mais tradicional, mas eu não sei quanto à sua narrativa (se é uma narrativa moderna ou se o livro é narrado em 1ª pessoa com uma narrativa da época).

A VIDENTE
Hannah Howell - 288 páginas - Lua de Papel

Sinopse: Estamos no século XVIII, na Inglaterra georgiana. Como todas as gerações de sua família, Chloe Wherlocke possui habilidades especiais, e o seu dom é enxergar além da visão física. Em 1785 ela prevê a morte de uma mulher que acabara de dar à luz e toda uma trama para atender a motivos escusos. Ao encontrar uma criança abandonada ao lado do corpo da mãe, ela salva o bebê e o cria escondido do mundo. Fazia isso por amor, mas talvez houvesse neste gesto alguma força do destino...

Com o passar dos anos, Chloe descobre que o encontro com a criança não havia sido uma simples coincidência e nota, pouco a pouco, um desenrolar de acontecimentos que envolviam todos os membros de sua família, num jogo de traições, mentiras e assassinatos. Consciente de tudo, ela precisa ser rápida para salvar a vida do pai do menino, o conde Julian Kenwood, e avisá-lo que o filho não morreu. Mas, ao se aproximar da família Kenwood, Chloe percebe seu sentimento de proteção por Julian se transformar enquanto a cada momento tudo fica mais perigoso.

"SUSPENSE, PAIXÃO, MISTÉRIO E CRIMES NO CENÁRIO DA INGLATERRA GEORGIANA DE ORGULHO E PRECONCEITO." 

Bom, eu encaixei esse livro nas minhas futuras leituras, mas não tenho ideia de quando poderei lê-lo, ou ainda de quando comprá-lo. Espero que seja breve, pois sua história é muito conflituosa e chamativa.

Fica ai mais uma DICA.

Abraços!!! 



7 Abstraídos comentaram:

  1. perfeito demais :)
    http://leiturait.blogspot.com/

  1. Tbm to louco nele!!! hehehe

  1. Minha lista só cresce.... bjks

  1. Ana Lúcia disse...:

    Tbém estou louca prá ler este livro!

  1. MRVentura disse...:

    Ai, eu tenho e ainda não li. E com a fila que tenho pra ler, ainda demora mtooo

    Bjs
    Mari
    www.s2ler.blogspot.com

  1. deiare disse...:

    Oi Junior,
    eu to louca pra ler esse livro, j´ali resenhas muito boas sobre ele.
    òtima indicação e já está na minha lista.
    Bjos!!!
    Sentimento nos Livros

  1. luu disse...:

    eu vi esse livro um dia desses e fiquei com muuita vontade de comprar ..

Postar um comentário

Seu comentario é importante... Então vamos, mãos a obra!!!