Abstraia-se News: The power of six - Pittacus Lore

Compartilhe:
E ae galerinha...

Me desculpem pela hora da postagem, mas é que quarta-feira pra mim é um dia meio cheio de coisas para fazer, e consequentemente eu sempre atraso com minhas postagens exatamente na quarta. Bom, tarda, mas não falha...

Aproveitando a deixa de ontem que eu estava falando com vocês sobre o livro "I am number four", da série Lorien Legacies, e da sua nova capa criada nos EUA, hoje decidi por dar sequência na série e falar do segundo livro. Intitulado de "The Power of Six", o livro já se encontra disponível pela Amazon para pré-venda. 

Ele está previsto pra chegar às livrarias americanas por volta de 23 de agosto, mas pra quem realmente gosta da série vale a pena encomendar com antecedência. Como o primeiro livro foi lançado agora aqui no Brasil, eu bem acho que o segundo vai demorar "um pouquinho" mais , uma vez que ele ainda nem foi lançado nos EUA. Mas tá bom neha, assim a gente já fica na expectativa dele. Mesmo demorando assim, a Editora Harper Collins, que é a que produz o livro original, já  disponibilizou a capa e a sinopse do livro pra gente. Confiram:

THE POWER OF SIX
Pittacus Lore - 352 páginas - Harper Collins

Sinopse: Eu o vi no jornal. Acompanhava as histórias que aconteceram em Ohio. John Smith, fora dali, naquela jornada. Para o mundo, ele é um mistério. Mas pra mim... ele é um de nós.

Nove de nós viemos para cá, mas de vez em quando eu gostaria de saber se o tempo nos mudou - se todos nós continuamos acreditando na nossa missão. Como eu posso saber? Ainda restam seis de nós. Estamos nos escondendo, disfarçando, evitando qualquer contato um com o outro... mas nossa legado está se desenvolvendo, e em breve estaremos prontos para lutar. John foi o numero quatro? Sua aparição era o sinal que eu estava esperando? E quanto aos números Cinco e Seis?

Algum deles poderia ser a garota de cabelos negros de olhos tempestuosos dos meus sonhos? A garota com os poderes que iriam além do que eu jamais pude imaginar?? A garota que poderia ser forte o suficiente para colocar  todos nós seis juntos?

Eles pegaram o primeiro na Malásia, o numero dois na Inglaterra e o numero três no Quênia. Tentaram pegar o número quatro - e falharam. Eu sou o número sete. Um dos seis ainda está vivo. E eu estou preparado pra lutar.

Como vocês já viram a capa vale a pena comentar também. Eu achei que ela ficou mais bem elaborada que a do primeiro livro, que apesar de simples ela bem bonita. Essa ganhou a simplicidade do primeiro, mas com um toquezinho a mais de arte.  Se houver próximos livros ( e tenho quase certeza que terá ) já teremos muitas capas para ter de paradigma. Claro que eu ainda vou voltar a falar desse livro aqui no blog. É só uma questão de tempo...

Por enquanto fico que nem vocês, na expectativa. Vamos esperar por novas sobre o livro...

Abraços.


8 Abstraídos comentaram:

  1. Eu disse...:

    Oi, estou louca pra ler o Eu sou o número quatro...
    Eu gostei da capa desse segundo livro e pela sinopse parece ser ótimo também...

    Gisele
    http://dicasdelivrosefilmes.com.br/

  1. Eu também estou louco para ler Eu Sou o Número Quatro! Não consegui ver a capa por aqui, não abriu. :/ Mas é se aquela azulzinha, eu já vi e adorei! É muito bem feita, mas as bolhinhas são estranhas... rs Abraços,

    @minha_estante - Minha Estante

  1. Quero muito ler a série
    Mas essa capa achei meio sem graça

    Thiago
    http://outroconceito.blogspot.com/

  1. Anônimo disse...:

    eu já li o livro eu sou o numero quatro e vi o filme eles são encriveis estou louco pra q lanc o segundo livro...

  1. Anônimo disse...:

    Na minha opinião, os círculos formam o número nove (a quantidade de alienígenas) e se virarmos de cabeça para baixo, notaremos um seis.
    P.S.: é óbvio que se essa foi a intensão do autor, este desenho está numa forma artística -por isso a dificuldade de enxergar esses símbolos- isso se não hover mais mensagens subliminares.

  1. Anônimo disse...:

    Na minha opinião, os círculos formam o número nove (a quantidade de alienígenas) e se virarmos de cabeça para baixo, notaremos um seis.
    P.S.: é óbvio que se essa foi a intensão do autor, este desenho está numa forma artística -por isso a dificuldade de enxergar esses símbolos- isso se não hover mais mensagens subliminares.

  1. Anônimo disse...:

    Achei a capa muito feia.

  1. soh S2 disse...:

    Aqui ja tem em ingles em qualquer livraria, só não chegou ainda em portugues


    p.s.É A número sete o não O numero sete

Postar um comentário

Seu comentario é importante... Então vamos, mãos a obra!!!